A. A. de Assis

 Por um beijo eu lhe dou o que sou e o que tenho:

os bons sonhos que sonho, as plantinhas que planto,

a pureza, a alegria, as cantigas que eu canto,

e o meu verso se acaso houver nele arte e engenho.

 

Por um beijo eu lhe dou, se preciso, o meu pranto,

as angústias da luta em que há tanto me empenho,

as saudades que trago do chão de onde venho,

as promessas que eu faço, piedoso, ao meu santo.

 

Por um beijo eu lhe dou meus anseios de paz,

minha fé na ternura e no bem que ela faz,

meu apego à esperança, que insisto em manter.

 

Por um beijo, um só beijo, um momento de amor,

eu lhe dou meu sorriso, eu lhe dou minha dor,

o meu todo eu lhe dou, dou-lhe inteiro o meu ser!

Autor: A. A. de Assis

(Direitos autorais reservados ao autor)

Envie esta página, Clicando aqui!

Voltar para Sonetos à beira-mar:

Voltar para o Porto:

Voltar para o Porto dos Sonhos e das Poesias

Copyright © Sarah Rodrigues - 2004 - Belém - Pará - Brasil

Todos os direitos reservados / All Rights Reserved.

ao site Porto dos Sonhos e das Poesias.

e sua autora: Sarah Rodrigues