TEMA: SIRI (Humorística.) NACIONAL.

VENCEDORES

                                                                            (Por ordem alfabética)

 

Foi pego pelo guri

lá no quarto da empregada,

falou “ boca de siri”

que eu te aumento hoje a mesada.

 

    DALMIR PENNA – Volta Redonda –RJ

 

 

Ele, da praia tirou

os siris pra colocar

mil tubarões, e explicou:

– minha sogra vem nadar.

 

   ÉLZIO BARBOSA DE ALENCAR – Bueno Brandão-MG

 

 

Parece que estão brigando

mas, na verdade, é uma farra:

casal de siris dançando

vira um tal de agarra “ a garra”...

 

   GERSON CÉSAR SOUZA – São Mateus do Sul –PR

 

 

Chorando a vida mesquinha

o siri “cai” na aguardente:

“– Quem tem sogra igual a minha

jamais vai andar pra frente!!!”

 

   GERSON CÉSAR SOUZA – São Mateus do Sul –PR

 

 

– Siri se pesca ou se caça?

Perguntou um turista grego.

E o Zé: – Depois que se traça,

Que importa como foi pego?!

 

   SÉRGIO BERNARDO – Nova Friburgo- RJ

 

TEMA: SIRI (Humorística.) NACIONAL

MENÇÕES HONROSAS

                                                                                  (Por ordem alfabética)

  

O “ japa” trai a mulher

e faz boca-de-siri;

se um dia ela souber

ele faz haraquiri.

 

   ADOLFO BOIÇA MOINHOS -Cornélio Procópio-PR

 

 

O siri, a andar de lado,

ouve o bebum perguntar:

– Ô, seu bichinho safado,

tu tava também no bar?

 

   ANTÔNIO DE OLIVEIRA – Rio Claro-SP

 

 

A Dona Siri provoca

uma confusão da baita;

pegou o seu Siri na toca

“ tocando” uma siri...gaita!

 

   ARLINDO TADEU HAGEN -  Juiz de Fora –MG

 

  

Lá, num canto do planeta,

é o siri que “ bota banca” .

O país é tão “careta”

que se chama Siri-Lanca...

 

   EDERSON CARDOSO DE LIMA-Niterói-RJ

 

  

Na praia o velho até ri,

pula...sacode...balança...

Quem tem na sunga siri

logo aprende alguma dança!

 

   GERSON CÉSAR SOUZA – São Mateus do Sul –PR

 

 

TEMA: SIRI (Humorística.) NACIONAL.

 MENÇÕES ESPECIAIS

                                                                                         (Por ordem alfabética)

 

 À mulher do caranguejo

propõe um siri de fama:

se você me der um beijo,

eu tiro você da lama!

 

   CLARINDO BATISTA DE ARAÚJO - Natal-RN

 

 

Noite escura, mas sem medo

foram ver siri os dois.

O povo viu o segredo

só nove meses depois.

 

   ÉLZIO BARBOSA DE ALENCAR – Bueno Brandão-MG

 

 

Eu quero poder cantar

versos ao siri do Norte,

pois ele vai aplacar

minha fome, que está forte!

 

   GISLAINE CANALES – Balneário de Camboriú – SC

 

 

Quase morreu o Amauri:

de tanta fome que tinha,

quando comeu um siri,

comeu também a casquinha.

 

   SANDRO PEREIRA REBEL – Niterói –RJ

 

 

Na praia pela manhã,

um siri muito tarado,

carregou o sutiã

da mulher do delegado!

 

   SARAH CASTELO BRANCO MONTEIRO RODRIGUES –Salinópolis- PA

 

Envie esta página, Clicando aqui!

Voltar para a página das Trovas:

Voltar para o Porto:

Voltar para o Porto dos Sonhos e das Poesias

Crédito da imagem: Getty Images

 

Copyright © Sarah Rodrigues - 2004 - Belém - Pará - Brasil

Todos os direitos reservados / All Rights Reserved.

ao site Porto dos Sonhos e das Poesias.

e sua autora: Sarah Rodrigues.

Webmaster & Designer: Lisiê Silva